sábado, 19 de abril de 2014

Recomeçar outra vez. Mais um bulk que se inicia!

Hello girls!

Tudo certo? Hoje o post não é tão motivador... vou contar para voces a "pedra" que apareceu no meu caminho, ou melhor, na minha periodização.

Estava eu animadíssima para finalmente começar o meu treino de hipertrofia agora na primeira semana do mês. Como de costume, fui ao médico fazer o check up anual para garantir que estava tudo bem. Alguns exames, oito amostras de sangue e uma dose da vacina dT (contra difteria e tétano, que se faz o reforço de dez em dez anos). Exames ok, mas uma semana após tomar a vacina, eis que me aparece uma reação alérgica tardia.

O local da vacina ficou quente e inchado, e meu corpo dolorido e cansado, como se fosse uma gripe. Meu período foi desregulado (imagine aquela sensação de TPM nível máximo por duas semanas) e a recomendação médica era apenas repouso e voltar ao hospital caso piorasse... é, ainda poderia piorar!

Curiosa que sou, cheguei em casa e joguei no Google para tentar descobrir o que realmente eu tinha. Juro que nunca mais vou fazer isso, porque só me deixou mais preocupada à toa! Mas não briguem comigo, imagina eu conversando com uma médica meio em inglês, meio em finlandês, respondendo um questionário de três folhas sobre os sintomas para depois ser mandada para casa sem respostas, apenas com aquela afirmação de que se tivesse uma emergência deveria correr para o hospital... 

Essa semana deu um mês desse episódio e graças a Deus já me sinto quase 100% de novo. Na primeira semana não fiz nenhum esforço e depois voltei com os treinos devagar. Sexta passada enfim comecei o meu bulk, pegando pesado de verdade e comendo mais \o/

Como as coisas não saíram nada como eu esperava e não quero que o percentual de gordura suba muito nesse bulk vou fazer aquele "feijão com arroz"... bem básico, mas a gente sabe que funciona, sabe como é? Nos próximos dois meses a dieta vai estar levemente positiva para garantir algum ganho de massa magra, bem limpa e como uma boa suplementação de anticatabólicos. Sobre os treinos, como eu fiquei bastante tempo só com os exercícios funcionais, só de voltar a pegar peso na academia, já vai ser um "susto" para o metabolismo, então não preciso inventar muito. No primeiro mês não pretendo nem dividir o treino de pernas em posterior/anterior como eu gosto, mas vou deixar um treinão basicamente com exercícios multiarticulares. Daqui mais um mês quando o corpo acostumar, volto a parcelar o treino e incluo os específicos. Enfim, agora não preciso focar, porque é tudo ponto fraco mesmo! hahaha... A parte boa? Como eu sempre tento imaginar o melhor, espero que agora eu volte como se fosse uma iniciante e consiga ganhar massa magra e perder gordura ao mesmo tempo. Será que é sonhar demais? Que nada, para alguma coisa esses dias de sufoco têm que ter servido!

Ponto de partida.
Depois de vários dias de descanso forçado, espero que meu corpo volte a responder como se tudo fosse novidade. Ganhar massa muscular e reduzir o BF ao mesmo tempo ainda é possível?
Veremos...

Bom, me desculpem o relato meio chato dessa vez... eu realmente não gosto nem de falar em doença. Não é para ninguém ficar com medo de vacina, viu? Essa reação alérgica é chata, mas também é raríssima. Ruim mesmo seria pegar tétano/difteria! Se a sua dose já venceu (mais de 10 anos) é só procurar um posto de saúde.

Agora me desejem boa sorte e vamos crescer!!

Boa páscoa :)))

domingo, 6 de abril de 2014

Dicas de produtos e compras no iHerb

Essa semana eu fiz mais uma compra no iHerb e aí fiquei pensando, já faz tanto tempo que faço meus pedidos e mesmos assim quase nunca comentei nada no blog. Para reparar meu atraso, vou falar tanto da experiencia de compra, como da minha opinião sobre alguns produtos.

Eu já sou cliente desde 2010. No início fiquei com receio, mas decidi fazer uma tentativa, até porque além dos preços ótimos, ganharia o desconto da primeira compra. E nesses quatro anos todas as minhas encomendas chegaram sem taxa. Quando morava no Brasil recebia entre 4-6 semanas, aqui na Europa nunca esperei mais do que 2 semanas. Nesse tempo todo, a única surpresa ruim foi não receber um item do meu pedido, mas foi só avisá-los para ter meu dinheiro de volta... para falar a verdade, ganhei até um crédito extra com o dobro do valor!!!

Não posso garantir que todo mundo tenha a mesma sorte que eu tive até hoje. Tenho algumas dicas que sigo e sempre compartilho com os amigos, mas alguns deles já foram taxados mesmo assim... é um risco que se corre. O fato é que com os impostos abusivos do Brasil, mesmo com as taxas vale a pena importar.


Aqui algumas dicas pra quem nunca comprou:
  • Para não serem taxados comprem no máximo 50$, em cada pedido;
  • Se quiserem comprar mais que 50$ ou mais que o peso máx, façam 2 pedidos diferentes;
  • O frete é de 4$;
  • Em cada pedido vc pode escolher uma amostra grátis. Antes de fechar sua compra vá em Free Samples e escolha dentre das opções. Lembrem-se que o peso da amostra tbm entra no peso total do pedido;
  • Qnd colocar os produtos no carrinho e for conferir, coloque o código GIS047 no espaço, para ganhar desconto de 5$ na sua primeira compra;
  • Cliquem em Specials (lá em cima em laranja) e vejam as super promoções;
  • Dps da sua primeira compra vc tbm ganhará um código p/ distribuir aos amigos. Eles ganham o desconto na primeira compra e vc acumula pontos para trocar por produtos;
  • O prazo de entrega é de 15 a 40 dias


Dicas de produtos




Linha de multivitamínicos One Daily da 21st Century. São polivitamínicos simples, eficientes e baratos. Existem várias opções, por exemplo, para homens/mulheres ativos(as), pessoas com mais de 50 anos e até crianças. Eu já usei esse para mulheres da foto, o para mulheres ativas e o para homens com mais de 50 anos. Converse com seu nutricionista para escolher a melhor fórmula para você.






Arnica é um anti-inflamatório natural que pode auxiliar inclusive na recuperação muscular ou em casos mais sérios, lesões. Na imagem é o óleo de massagem da Weleda que se alguém já pesquisou no Brasil, não sai por menos do que o dobro do preço do site ($ 17.28). Para outras opções digite "arnica" no campo de busca.






Barrinhas Atkins. Embalagem com cinco barrinhas por 6$. Não é para virar parte da dieta, mas nos momentos de TPM vai muito bem. Eu já provei essa sabor Fudge Brownie, a Dark Chocolate e a Caramel Nut. Não deixaram nada a desejar para um bombom tradicional e têm apenas 2g de carboidratos efetivos.


Meu óleo de coco extra virgem também sempre vem de lá. Faça o teste, compre o melhor óleo de coco brasileiro e compare... Já pedi esse da foto da Jungle Products, o da Jarrow Formulas e o da Source Naturals. Pediria novamente qualquer um deles :)







É isso, espero que as dicas sejam úteis. Vai ser impossível falar de tudo que já experimentei, mas se voces curtirem posso fazer outros posts com os meus preferidos ;)

Essa semana eu finalmente inicio meus novos fit planos. Me desejem mt sorte!! 
Uma semana maravilhosa para todos nós!

Bj

terça-feira, 1 de abril de 2014

E depois de três meses e meio de treino em casa...

Olá! Ainda tem alguém aí?!

Sabiam que quinta passada o blog fez aniversário? Pois é, eu iniciei o blog quando mudei de país e me vi sozinha, ainda sem amigos, sem instrutor na academia, sem nutricionista... Percebi que precisava mesmo era de algo que me desafiasse de verdade. É claro que eu já tinha algum conhecimento do meu próprio corpo (na época já frequentava a academia consecutivamente por mais de seis anos), mas se queria fazer dar certo precisaria buscar mais conhecimento e porque não compartilhar e trocar informação com pessoas de interesse similar? E aqui estamos, dois anos depois... é clichê mas não tem nada mais certo: juntos somos mais fortes! :)

Quem acompanha o blog há mais tempo deve estar estranhando a ausência dos posts sobre a periodização dos treinos e planos de dieta (fase de ganho de massa magra ou de redução de gordura). Afinal de contas, eu criei o blog exatamente com o propósito de falar sobre as minhas tentativas dessa tal de "periodização do treinamento" que eu tanto ouvia falar, mas que parecia ainda longe da minha realidade.

Sim, sou a maior defensora do treino periodizado, mas as vezes a gente precisa de um tempo - e isso também faz parte, sem culpa! No meio de dezembro, ainda no Brasil, parei de ir à academia e passei os últimos dias de férias na praia. Dieta de férias (tem post aqui e aqui) e bastante cardio para compensar... aeróbico na praia não é nenhum sacrifício, né? Chegava a fazer duas vezes por dia, feliz da vida...

E aí voltamos para cá bem no auge do inverno, na primeira semana de janeiro. Agora em nova cidade e com toda a rotina para ser (re)aprendida e (re)organizada. Saía de casa às 8h da manhã e ainda estava completamente escuro... friozinho de no mínimo -10 e muitaaa neve. A casa nova tem um quarto grande só para os treinos e nossos equipamentos de exercícios funcionais. Quem disse que eu tinha vontade de ir até a academia? Não é nada impossível e voces sabem que já fiz isso antes, mas dessa vez acho que quis ver o que aconteceria se me exercitasse longe do ginásio.

Treinos de quatro a cinco vezes na semana, com horário certo e pré-programados, tudo para evitar me sabotar. Além dos básicos, sempre tentava alguma coisa diferente (exercícios funcionais, calistênicos e etc... infinitas possibilidades!). Particularmente, consegui treinar membros superiores muito bem, talvez até melhor do que na academia, mas as pernas dificilmente chegavam a fazer o nível de força que eu conseguia realizar em um agachamento, leg press ou cadeira extensora... muito provavelmente porque minhas habilidades para treinos funcionais de membros inferiores ainda sejam mínimas.

Nesse tempo não fiz nada de cardio pelo medo de perder muita massa magra, porque o treino já era bastante metabólico e por falta de vontade mesmo! rs.. Por conta da pouca sobrecarga para alguns músculos, mais do que nunca precisei me concentrar mentalmente em cada movimento... era isso ou nada. Posso dizer que a consciencia corporal está melhor e o core também está mais forte. Achei que a balança fosse me dar um susto, mas até que não. Cerca de 1,5kg a menos e não estou me sentido "super franga", mas também sei que o volume dos membros inferiores diminuiu... Hoje em dia já não sou fissurada em volume muscular (até porque eu sei que é tudo questão de treino/dieta... assim a gente vai moldando nosso corpo), mas fica a dica para quem sonha com bundãooo, pernãooo e tudo "ãooo"! kkkk

Dieta de manutenção sem restrições, com frutas (voltei a comer laranja sem culpa, uau!!), glúten e lactose (não gosto de leite, mas por algum motivo o frio me dá vontade). A parte boa é que controlo muito bem meu apetite e a fissura por açúcar/gordura praticamente não existe... faço uma "refeição livre" por semana e posso contar nos dedos as vezes em que comi algo realmente "lixo". Sem nada de aero e com essa dieta mais livre, eu sinto exatamente o que se diz "estar com a pele grossa". Sendo sincera, acho até que eu perdi um pouco de gordura (culotes!), mas ao mesmo tempo parece que fica uma capinha em cima do músculo (é bem isso que eu noto, não acho que aumente ou diminua o percentual de gordura, pelo menos para mim que não tenho nenhum tipo de intolerância séria). Eu percebo comparando com as mesmas fotos do post dieta e treino de férias.




E agora já no final de março o sol voltou a brilhar, as temperaturas estão positivas e adivinhem só, semana que vem vai abrir uma academia bem na frente da minha casa! Gostei da experiencia dos treinos funcionais em casa e acho que eles me ajudaram a subir mais um degrauzinho, mas vou voltar para a gym. Saudade das barras pesadas (agachamento, terra!) e dos meus treinos periodizados. Além do que, para quem mora no interiorrr é uma forma de socializar, não é? ;)

Então obrigada pela força nesses dois anos e se preparem que ainda virão muitos posts de "bulk/cut" por aí. Semana que vem eu conto tudo!

Bjsss

sábado, 15 de março de 2014

Suplementos alimentares são realmente necessários?

Oi! Como estamos?

Esse post já estava na minha cabeça há algum tempo e nos rascunhos há três semanas... publicar ou não publicar?

Bem, em tempos de suplementos proibidos pela ANVISA, venda de dietas de 600 KCal pela internet e uma "propagandagem" sem fim sobre pílulas, pozinhos e tratamentos mágicos pelo corpo perfeito, sou obrigada a me pronunciar.

Eu não sei dizer se sou a favor ou contra essa moda que virou o mundo fitness. Foi bom até o momento em que passou do ponto... e como tudo que sai do equilíbrio, deixou de ser saudável. Fora isso tem o grande mercado de vendas de produtos para esse público: indústria alimentícia, roupas fitness, suplementos. Sobre isso, cito mais uma vez William Davis no livro Barriga de trigo: "[...] orgânico para cá, orgânico para lá, embalagem com aparência de "natural" e - pronto! A imensa corporação multinacional dos alimentos agora dá a impressão de ser um pequeno grupo de ex-hippies, imbuído de consciencia ambiental, tentando salvar o mundo."

Quem me conhece sabe que eu sou suuuper zen. Quando alguma coisa me incomoda simplesmente me afasto, deleto ou deixo de seguir. O problema é que não é mais só maquiagem ou roupa, mas alimentos, treinos e sabe-se mais o que, que eu não posso negar, muitas vezes são tentadores (sim, tão tentadores quanto as propagandas de fast food - assista ao documentário Muito Além do Peso).


Quantas pessoas ali serão perigosamente enganadas? Quantas meninas no auge da adolescência agora acham que é normal seguir uma dieta de faquir e se exercitar como se não houvesse amanhã? Talvez eu também acreditasse se não tivesse passado por algumas coisas que me fizeram mudar meus conceitos de "vida saudável". Sim, eu já tive princípio de bulimia...

Não sou radical e realmente acho que os suplementos tem o seu valor, mas dizer que uma dieta que se baseia em suplementos (as receitinhas fitness) é exemplo de saúde, é falácea. Whey, waxy maize, glutamina, bcaa... para quem é atleta de ponta realmente faz diferença, para 90% da população, na minha opinião, é supérfluo (a não ser para homens com necessidades proteicas surreais, sempre tem exceções e todo mundo aqui é inteligente para entender isso). Geralmente acontecem duas situações engraçadas, ou a pessoa simplesmente deixa de fazer o que tem que ser feito, porque não tem condição de comprar a lista de suplementos da instafit e muito menos de pagar por um nutricionista e pelo top treinador (como se esse fosse o caminho para o corpo dos sonhos), ou ela faz questão de gastar o que pode e o que não pode nos melhores suplementos (sem falar em coisas mais "pesadas", se é que vcs me entendem), mas continua com o treino da barbie, "dieta" de sanduíche natural e finais de semana totalmente descontrolados. Experimenta procurar relato de algum ciclo feminino nesses foruns de musculação ou simplesmente troque ideia com o instrutor da sua academia...

Talvez deva soar estranho vocês me verem falando mal de suplementos e afins, até porque eu já postei vários dos meus planos alimentares aqui e com suplementos. O post mais acessado do blog é sobre um termogênico (apesar do resultado exposto na imagem do post ainda ser da fase sem ele). E aí, por que isso agora?

Eu sempre falei nesse estilo de vida como saudável, natural e equilibrado, não é? Comecei a entender como hipocrisia falar tudo isso e continuar substituindo refeições por um produto industrializado. Pagar caríssimo e nem ter certeza do que se está consumindo (escândalos com wheys irregulares já viraram rotina), sem contar nos corantes, conservantes e etc, etc... com certeza temos opções melhores.

É claro que um atleta tem necessidades milimetricamente calculadas e que o uso de suplementação ajuda muito, mas eu, na minha vida de "pessoa normal", no momento, estou usando o whey mais como uma alternativa a um docinho do que qualquer coisa... o resto é comida de verdade. Glutamina, bcaa e outros anticatabólicos ainda farão parte da minha rotina nas fases de secar gordura, mas apenas pela facilidade e porque aqui ainda encontro produtos de qualidade inigualável a baixo custo - se morasse no Brasil, talvez apelasse para outras estratégias. Vitaminas e minerais nem cogito parar, até por indicação médica.

E a pergunta que não quer calar, e o Lipo 6, você usaria de novo? Não, eu não usaria ele e nenhum outro termogênico desses famosos. Não acho normal você tomar uma cápsula e sentir o coração saindo pela boca, as mãos suarem e nem queimação no estomago. Já vi algumas reportagens falando de substancias suspeitas, volta e meia eles retiram do mercado e depois voltam com fórmulas diferentes, mas a polemica sempre continua. Ninguém me tira da cabeça que realmente aquelas capsulas pretas tem mais do que o que diz a embalagem...


Nossos hormônios regulam mais funções do nosso corpo do que ousamos supor. Eu sinceramente acho que não vale a pena arriscar mexer no que está certo para perder peso (quem sabe) mais rápido. Por acaso naquele "cutting" do post polemico eu usei o termogênico, mas antes e depois dele já tiveram muitos outros sem nenhuma cápsula e com exito.

Eu sei que tem gente que não vai mudar de ideia por causa da minha opinião. Só não deixem de procurar um médico e fazer o acompanhamento dos seus hormônios tanto antes quanto depois. Por sua saúde e risco! Talvez esteja na hora de repensar se o que vale a pena de verdade... Já pensou que os gastos com whey poderiam pagar um bom acompanhamento profissional?

Por mais comida de verdade, treino sério e uma vida leve, em todos os sentidos! ;)

Bjs
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...